Siga-nos

Luiz Galvão

Análise de Luiz Galvão: Pacto de apoio da Torcida Bugrina empurra o time para o G4

Publicado

em

Gráfico de aproveitamento de Guarani e Vila Nova na Série B de 2018 - Arte: Luiz Galvão.

Com o sexto pior ataque com 26 gols marcados, superando apenas o Brasil de Pelotas e os clubes que estão na zona de rebaixamento até a início da 29ª rodada o Vila Nova conta a seu favor com a melhor defesa da série B sofrendo até agora 20 gols.

Seu retrospecto em casa é de cinco vitórias, sete empates apenas uma derrota contra CSA ocorrido na 8ª rodada. Está há nove jogos sem perder em seus domínios.

Os números mostram que o time goiano joga na retranca buscando segurar resultado, pois dos 26 gols feitos no campeonato 12 gols ou 46% foram marcados jogando em casa menos da metade, a maioria em empates no total (6) fazendo apenas 2 gols.

Por outro lado o Bugre já venceu quatro jogos fora: (CSA, Oeste, Londrina e Sampaio Correa) empatou cinco: (Goiás, Avai, outro time da cidade, Criciúma e CRB) perdendo quatro: (Fortaleza, Atlético Go, Juventude e Paysandu). Assim, o Guarani possui um aproveitamento de 44% em jogos fora de casa com uma sequência positiva de cinco jogos sem perder em terreno alheio.

O Alviverde Campineiro marcou um terço do total dos gols em campo de adversários, 12 dos 36 gols marcados e levou 14 dos 29 sofridos no campeonato.

Os números, tanto de Guarani como de Vila Nova, apontam para um jogo difícil em que o Tigre deverá tentar segurar o resultado de empate, porém a boa fase do Bugre o credencia a não fazer feio, podendo até trazer três pontos para Campinas e com um resultado positivo poderá motivar ainda mais a torcida que pactuou simbolicamente apoio ao Guarani visando o acesso, (lembremos do feedback favorável após matéria publicada no ultimo dia 17 de setembro aqui no Planeta Guarani por Marcos Ortiz).

No gráfico podemos observar que o Vila Nova manteve-se até a vigésima rodada na frente do Bugre, foi superado por cinco rodadas da vigésima primeira a vigésima quinta, se recuperando nos dois jogos seguintes mas, o Guarani voltou a ultrapassar o Tigre na última rodada, mostrando sua regularidade no segundo turno, enquanto houve um descenso do colorado goiano.

São ingredientes para um bom jogo, e para uma pitada a mais fizemos uma analogia: Com a chegada do goleiro Agenor em comparação a Oliveira, (matéria publicada aqui em 29 de agosto, quando em quatro jogos houve evolução e melhora no setor defensivo. Agora já são oito jogos com o Goleiro Agenor Detofol, sendo quatro vitórias, três empates e apenas uma derrota). E neste período o Guarani marcou sete gols e sofreu três, sendo que dois gols foram na derrota para o Goiás no Brinco, ou seja, o goleiro Agenor não perdeu nenhum jogo fora e tomou apenas um gol de pênalti no empate por 1×1 contra CRB em Maceió (Al).

Nada mal para um setor muito cobrado após a saída do goleiro Bruno Brígido, campeão da A2 Paulista.

Uma vitória fora de casa poderá colocar o Guarani no G4, em seguira virá mais um jogo fora contra o São Bento para logo na sequencia enfrentar outro concorrente direto, o Avaí no Brinco de Ouro provavelmente com casa cheia.

Nós acreditamos no acesso e se bobearem quem sabe no título.

“A cada nova jornada, Guarani é mais amor. Avante, avante meu Bugre”

 

Por Luiz Galvão

>>>—HSG—>

Advertisement
Advertisement

Melhores Momentos – Vila Nova 1×1 Guarani


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima partida

Campeonato Brasileiro - Série B

Boa Esporte-MG X Guarani FC

Campeonato Brasileiro - Série B

Local: Estádio Melão
Data: 20/10/2018
Horário: 16:30

 

+ Recentes

Jogos e Resultados

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.