Siga-nos

Marcos Ortiz

Com praticamente 2 times titulares, chegou a hora de decidir – Muda ou mantém?

Publicado

em

Foto: GuaraniPress.

Faltando pouco mais de uma semana para o débi, o técnico Umberto Louzer vai ganhando boas e importantes opções no elenco e pode ter chegado a hora de tomar uma importante decisão: Apostar na manutenção do time que conquistou a Série A2, ou promover mudanças substanciais no time, incluindo os novos contratados.

A decisão, apesar de difícil, terá que ser tomada nos próximos dias visando não apenas o clássico tradicional, mas toda a competição, pois o grupo está fortalecido em praticamente todas as posições. Vamos dar uma olhada mais aprofundada em como está o elenco atual após as últimas contratações:

Goleiros: Bruno Brígido, Passarelli, Rodolfo Castro e Carlão (base);
Laterais Direitos: Lenon, Kevin e Bruno Souza (base);
Laterais Esquerdos: Marcílio, Rafael Franco e Salomão (base);
Zagueiros: Edson Silva, Alef, Everton Alemão, Anderson, Philipe Maia e *Heitor (base);
Volantes: Baraka, Denner, William, Ricardinho, João Paulo (base) e Luan (base);
Meias: Bruno Nazário, Rondinelly, Guilherme, Rafael Longuine, Matheus Oliveira e Juninho (base);
Atacantes: Anselmo Ramon, Bruno Mendes, Erik, Kauê, *Gabriel Poveda, Pedro Bortoluzo, Caíque, Elias (base) e Matheus Serafim (base).
*Lembrando mais uma vez que o zagueiro Heitor e o atacante Gabriel Poveda estão relacionados pois estavam inscritos no Campeonato Paulista e não recebemos informações sobre a saída deles do grupo principal.

Um esboço, no papel um time muito bom

Com 37 jogadores, lembrando mais uma vez que o limite de inscrições para a Série B é de 40 atletas por elenco, Umberto tem à sua disposição no mínimo duas, e em alguns casos até três opções, para a mesma posição, vamos rascunhar?

Bruno Brígido (Rafael Castro ou Passarelli); Lenon (Kevin ou Bruno Souza), Philipe Maia (Everton Alemão ou Alef), Anderson (Edson Silva) e Marcílio (Rafael Franco); Baraka (William), Ricardinho (Denner), Rondinelly (Guilherme) e Bruno Nazário (Rafael Longuine); Erik (Caíque) e Bruno Mendes (Anselmo Ramon).

Com exceção ao goleiro, posição onde dificilmente acontece mudança e onde Bruno Brígido faz um bom trabalho desde sua chegada ao Bugre, são ao todo 22 jogadores brigando por 10 posições e as oportunidades podem surgir a qualquer momento, seja por suspensão, lesão, ou pela saída de algum jogador que venha ser negociado no decorrer da competição.

Neste momento os jogadores com crachá de titular pronto, só esperando a oportunidade são: Edson Silva, Denner e Guilherme, e ainda temos que destacar que Anselmo Ramon ainda não tem condições físicas para jogar os 90 minutos de uma partida, e só por este motivo não está nesta relação de pleiteantes a uma das 11 camisas, em mais alguns dias estará.

E agora, manter um time que deu certo ou trazer mudanças pontuais que já se mostraram necessárias? Essa é a decisão que estará nas mãos de Umberto Louzer, que ao contrário da Série A2 quando tinha um elenco limitado, com 13 ou 14 atletas em condições de serem titulares, agora tem dois times inteiros à sua disposição, com direito a alguns reservas ainda.

Ou alguém poderá dizer que um time titular formado por Bruno Brígido; Lenon, Everton Alemão, Edson Silva e Marcílio; Baraka, Ricardinho, Guilherme e Bruno Nazário; Erik e Anselmo Ramon seria considerado ruim?

Umberto tem mais, tem a opção de escalar Bruno Brígido; Lenon, Philipe Maia, Edson Silva e Marcílio; Baraka, William, Rondinelly e Bruno Nazário; Erik e Bruno Mendes.

Pode optar por outra formação com Bruno Brígido; Lenon, Philipe Maia, Edson Silva e Marcílio; Baraka, Ricardinho, Guilherme e Bruno Nazário; Erik e Anselmo Ramon.

E ainda pode criar variações envolvendo todas essas três possíveis escalações e, numa necessidade, contar com Rafael Longuine substituindo Bruno Nazário.

É sem dúvida uma boa dor de cabeça, resta saber qual será a decisão do treinador para a próxima partida, o dérbi, jogo que tanto mexe com as emoções de todos nós, Bugrinos!

Alguns atletas atualmente no elenco deverão ser negociados, nenhum antes do dérbi, agora chegou a hora de tomar a decisão mais difícil pra um treinador que considera a gestão do grupo como o ponto mais importante em uma competição tão longa como é a Série B do Brasileiro, mas onde cada rodada é decisiva com os três pontos disputados sucessivamente.

Vamos lá Umberto, você consegue! E a gente tá torcendo por você!

 

Marcos Ortiz

Advertisement

Melhores Momentos – Goiás 1×1 Guarani


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima partida

Campeonato Brasileiro - Série B

Juventude-RS X Guarani FC

Campeonato Brasileiro - Série B

Local: Alfredo Jaconi
Data: 01/06/2018
Horário: 19:15

 

+ Recentes

Jogos e Resultados

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.