Fichas Técnicas de todos os derbys da década de 1920 – Por Celso Franco, José Ricardo Lenzi Mariolani e Fernando Pereira da Silva.

12/03/1922 – Hipódromo – Guarani FC 3 X 0 – Amistoso

Guarani FC – Barini, Maneco e Tavares; Deputado, Juca e Barbanera; Ricardo, Miguel, Jercino, Zéquinha e Joaquim.

AA P. Preta – Pacheco; Mario e Nando; Carneiro, Bianetti e Gradin; Duque, Bueno, Bino, Chiquito e Juca.
Gols: Miguel (2) e Jercino.

Joca, o único atleta bugrino a ter uma estátua, jogou pela 1ª vez um derby

Joca, o único atleta bugrino a ter uma estátua, jogou pela 1ª vez um derby
Joca, o único atleta bugrino a ter uma estátua, jogou pela 1ª vez um derby

22/07/1923 – Estádio Guarani – Empate 1 X 1 – Camp. do Interior 1923 (1º Turno)

Guarani FC – Hugo, Joca e Tavares; Joaquim, Eduardo e Horácio; Dicto, Miguel, Mário, Zéquinha e Santiago.

AA P. Preta – Florian; Ruy e Mário; Nenê, Alex e Juca; Bueno, Roberto, Armando, Zéca e Biasi.

Gols: Zéquinha e “Fufúia”

Obs.: 1º dérbi no “Pastinho”, inaugurado uma semana antes. Empate que não aparecia no antigo retrospecto dos dérbis da imprensa local.

15/11/1923 – Estádio Guarani – Empate 1 X 1 – Camp. do Interior 1923 (2º Turno)
(Quinta-feira, feriado)

Guarani FC – Hugo, Joca e Tavares; Adolpho, Eduardo e Joaquim; Santiago, Zéquinha, Mário, Alcides e Papin.

AA P. Preta – Tiziani; Maneco e Alex; Nenê, Nilo e Nazareth; Bueno, Armando, Adino, Robert e Zéca.
Árbitro: Pinto Rocha (APEA)
Gols: Zéca (1º T); Mário (2º T).
Obs: No final do jogo, Tiziani defendeu pênalti cobrado por Alcides.
Empate que não aparecia no antigo retrospecto dos dérbis da imprensa local.

14/06/1925 – Estádio Guarani – AA P. Preta 3 X 0 – Camp. do Interior 1925 (1º Turno)

Guarani FC – Valentim, Joca e Angelino; Tavares, Juca e Joaquim; Santiago, Zéquinha, Mário, Nerino e Pilla.

AA P. Preta – Alípio; Maneco e Carneiro; Nando, Bino e Praxedes; Bueno, Zéca, Perez, Túia e Machininha.

Árbitro: Juvenal Ricardo Ballerini (APEA)
Gols: Perez (pênalti), Maquininha e Zeca (pênalti), todos no 2º tempo.

23/08/1925 – Estádio Guarani – AA P. Preta 1 X 0 – Camp. do Interior 1925 (2º Turno)

AA P. Preta – Alípio; Maneco e Carneiro; Duarte, Bino e Gradim; Bueno, Zéca, Perez, Túia e Henrique.

Guarani FC – Valentim, Joca e Angelino; Tavares, Juca e Joaquim; Parras, Zéquinha, Lori, Pulciarelli e Hugo.

Árbitro: Antônio Câmera (APEA)
Gol: Perez.

Foto: A “Taça Colúmbia”

Foto: A “Taça Colúmbia”
Foto: A “Taça Colúmbia”

08/08/1926 – Estádio Guarani – Guarani FC 3 X 1- Amistoso em disputa da Taça Colúmbia

Guarani FC – Camisola, Joca e Orlando; Mário, Raphael e Joaquim; Dicto, Bagatella, Aristides, Nenê e Robertinho.

AA P. Preta – Dica; Maneco e Carneiro; Gradim, Bino e Duarte; Sanches, Perez, Armando, Tuia e Hermínio.

Árbitro: Edmundo Bevilacqua
Gols: Nenê (2), Robertinho e Carneiro (pênalti)
Obs.: O Guarani conquistou a Taça Colúmbia

07/09/1926 – Estádio Guarani – Empate 1 X 1 – Camp. do Interior APEA
Terça-feira, feriado

Guarani FC – Camisola, Joca e Orlando; Mário, Raphael e Joaquim; Dicto, Bagatella, Aristides, Nenê e Robertinho.

AA P. Preta – Dica; Corisco e Albertino; Carneiro, Bino e Duarte; Sanches, Zeca, Armando, Tuia e Hermínio.

Gols: (2º Tempo) Aristides e Armando

14/11/1926 – Estádio Guarani – Guarani FC 2 X 0 – Amistoso em disputa da Taça Circo Wheeler

Guarani FC – Camisola, Orlando e Tavares; Mário, Raphael e Joaquim; Dicto, Bagatella, Aristides, Nenê e Robertinho.

AA P. Preta – Dica; Corisco e De Marco; Carneiro, Bino e Praxedes; Arena, Braghetto, Armando, Tuia e Hermínio.

Árbitro: João da Silva
Gols: Nenê e Raphael
Obs.: O Guarani conquistou a Taça Circo Wheeler.

23/01/1927 – Estádio Guarani – Guarani FC 3 X 1 – Camp. do Interior APEA – 2ª Região

Guarani FC – Camisola, Orlando e Tavares; Mário, Raphael e Joaquim; Dicto, Camilo, Orestes, Bagatella e Robertinho.

AA P. Preta – Mussolini, Maneco e Corisco; Carneiro, Bino e Praxedes; Carioca, Zeca, Armando, Tuia e Machininha.

Árbitro: Américo Bertolini. Público: 5.000
Gols: Raphael (1º T); Tuia, Camilo e Robertinho (2º T)
Obs: Dias depois a AAPP desistiria da competição, indo filiar-se à LAF.