Siga-nos

Jogos e Resultados

Vitória!!! Em Barueri Bugre faz partida segura e vence o Oeste por 1×0

Publicado

em

A necessidade era uma só, pra recuperar os pontos perdidos em três empates seguidos jogando no Brinco de Ouro, só uma vitória traria tranquilidade ao Guarani na 14ª rodada da Série B.

Mesmo com o time bastante modificado, a pressão era grande sobre o técnico Umberto Louzer que tinha nada menos que três jogadores fazendo suas primeiras partidas como titulares em Barueri, o goleiro Oliveira, o volante Willian Oliveira e o meia Matheus Oliveira.

O Bugre iniciou a partida com Oliveira; Kevin, Everton Alemão, Edson Silva e Pará; Willian Oliveira, Ricardinho, Denner, Matheus Oliveira e Rafael Longuine; Bruno Mendes.

Dentro de campo

Logo na saída de bola o Guarani já finalizou em gol, aos 11 segundos de jogo Rafael Longuine recebeu a bola em profundidade pela direita e bateu pro gol, mas o goleiro Tadeu conseguiu fazer boa defesa. E o começo de jogo foi a todo vapor, ainda antes dos 02 minutos o Oeste teve sua primeira oportunidade quando Nicolas Careca aproveitou cruzamento dentro da grande área, subiu sozinho, sem nenhuma marcação e cabeceou buscando o canto direito de Oliveira, que no seu primeiro toque na bola com a camisa Bugrina fez uma boa defesa, jogando a bola pra escanteio.

Bruno Mendes desvia, Tadeu tira com o pé e a bola explode em Daniel Borges. Gol do Bugre, Oeste 0x1 Guarani. Imagem: Reprodução SporTV.

Com o jogo aberto não demorou pro Bugre fazer seu primeiro gol, aos 05 minutos Denner recebeu pela direita e fez um bom cruzamento buscando Bruno Mendes na pequena área, o atacante Bugrino chegou desviando a bola pro gol, mas o goleiro Tadeu conseguiu tocar na bola com o pé direito e ela explodiu em Daniel Borges e foi morrer no fundo do gol. Gol do Bugre, gol contra de Daniel Borges e o Guarani conseguia mais uma vez sair na frente do placar jogando fora de casa na Série B.

Bruno Mendes comemora,mas o gol foi de Daniel Borges, contra. Imagem: Reprodução SporTV.

Depois do gol o Bugre diminuiu o ritmo, mas mesmo assim seguiu criando boas oportunidades, já o Oeste tentava sair pro ataque, mas visivelmente nervoso, errava no último passe. Era jogo bom pro Guarani tentar seus conta ataques e ampliar o marcador.

Denner tenta um golaço,mas Joilson aparece de cabeça e afasta o perigo. Imagem: Reprodução SporTV.

Apesar de dominar o jogo e manter a posse de bola o Bugre levou um susto aos 30 minutos quando Pedrinho recebeu cruzamento da direita, aproveitou a falha de Everton Alemão e chegou batendo pro gol, a bola entraria, mas pra sorte do Bugre ela explodiu em Nícolas Careca e saiu pela linha de fundo. O troco do Bugre veio pouco depois, aos 33 minutos a bola foi invertida da direita pra esquerda e Denner dominou dentro da grande área e bateu colocado buscando o ângulo esquerdo de Tadeu, a bola tinha endereço, já havia passado pelo goleiro,mas quase em cima da linha apareceu Joilson de cabeça e evitou o segundo do Bugre.

A principal válvula de escape do Bugre era Denner jogando pela esquerda e aos 36 minutos ele criou outra grande oportunidade, avançou em velocidade, ganhou da marcação e cruzou rasteiro buscando Bruno Mendes dentro da pequena área, mas Leandro Amaro apareceu desviando a bola de leve, suficiente pra tirar a chance do camisa 9 Bugrino.

No último lance ofensivo da primeira etapa o Oeste assustou novamente, a bola foi lançada na grande área entre Kevin e Edson Silva e Pedrinho apareceu entre os dois tentando finalizar, a bola acabou batendo no braço de Edson Silva, sem nenhuma intenção e, apesar de toda a reclamação dos jogadores do Oeste o árbitro acertadamente nada marcou.

Com uma boa marcação no meio de campo, apesar de alguns erros da sua zaga,o Bugre poderia até ter ampliado o placar, e desceu pro intervalo com a vitória parcial de 1×0.

Vencendo o jogo e jogando bem, Umberto voltou com a mesma equipe pra segunda etapa, a expectativa era que o Guarani conseguisse manter o nível de concentração e ampliasse o placar pra não sofrer com a pressão do time da casa. O Oeste voltou dominando as ações e,nos minutos iniciais tinha toda a posse de bola, restando ao Bugre se defender bem para não ver a vitória escapar mais uma vez.

Vendo a falta de ofensividade da equipe Umberto mexeu aos 8 minutos, saiu Matheus Oliveira pra entrada de Caíque. Era sufoco total com o Oeste chegando em velocidade quase sempre pelo lado esquerdo em jogadas que terminavam em cruzamentos perigosos, já o Guarani apenas se defendia, sem conseguir chegar ao ataque. Aos 19 minutos Joilson bateu de muito longe, o chute saiu perigoso e o goleiro Oliveira voou para a bola e conseguiu espalmar jogando a bola por cima do gol, fazendo uma grande defesa e evitando o empate.

Caíque gira e é agarrado por Leandro Amaro. Árbitro erra e manda seguir. Imagem: Reprodução SporTV.

Aos 22 minutos outra jogada perigosa do Oeste, Bruno Lopes recebeu dentro da grande área e rolou a bola pra Danielzinho dentro da pequena área pela esquerda ele chegou dividindo a jogada com a marcação e tocou fraco, pra fora do gol em tiro de meta. O Bugre só conseguiu chegar ao ataque aos 26 minutos e foi prejudicado pela arbitragem, troca de passes entre Longuine e Caíque na meia, Caíque recebeu o passe, girou sobre a marcação e foi agarrado por Leandro Amaro na frente do árbitro a poucos centímetros da linha da grande área, na meia lua,mas ele mandou a jogada seguir,não marcando uma falta que seria perigosíssima.

Aos 30 minutos Umberto fez sua terceira alteração, saiu Rafael Longuine para a entrada de Rondinelly, e logo na sua primeira participação o Bugre não ampliou o placar por pouco.

Aos 33 minutos Rondinelly na meia esquerda viu bem a entrada de Bruno Mendes no meio e fez um lançamento perfeito, o atacante Bugrino ajeitou o corpo e bateu buscando o canto direito de Tadeu, a bola passou pelo goleiro, mas acabou saindo à direita, perto da trave, com perigo.

Aos 43 minutos Umberto fez sua terceira mudança, alias antes da alteração Bruno Mendes recebeu cartão amarelo e deixou o campo pra entrada de Gabriel Poveda. O árbitro deu 05 minutos de acréscimos, era hora de superar os jogos anteriores e os minutos finais da partida e desta vez o Bugre não fez nenhuma falta próxima à grande área e o sistema defensivo não errou. Ainda deu tempo de Willian Oliveira cometer uma falta na intermediária aos 48 minutos e receber cartão amarelo, e aos 49,no último lance da partida, Kevin se jogou na frente de Danielzinho e conseguiu evitar o gol de empate do time da casa.

Ufa!! O Bugre conseguiu vencer! Superou o trauma do gol sofrido nos minutos finais, segurou a pressão do Oeste durante praticamente toda a segunda etapa e volta a Campinas com três preciosos pontos nesta caminhada na Série B do Campeonato Brasileiro.

Foi uma atuação segura da maioria dos atletas, com destaques para a grande estreia do goleiro Oliveira, mais uma vez a incansável atuação de Ricardinho e a surpreendente atuação de Denner, principal válvula ofensiva do time na primeira etapa e Willian Oliveira. Outro destaque para a boa entrada de Rondinelly na segunda etapa e para a luta de Bruno Mendes no ataque que, mesmo sem conseguir voltar a marcar, foi decisivo inclusive no lance do gol da vitória.

Com esta vitória o Bugre chegou aos 20 pontos e provisoriamente estána oitava colocação a dois pontos do quarto colocado,mas precisa esperar o final da rodada para saber sua real posição.

Agora o time volta a campo já na próxima segunda feira quando recebe o Coritiba às 18:00 no Brinco de Ouro da Princesa.

Valeu Bugrão!

 

Marcos Ortiz

 

 

 

Advertisement
Advertisement

Melhores Momentos – Guarani 1×0 CSA


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima partida

Campeonato Brasileiro - Série B

Vila Nova-GO X Guarani FC

Campeonato Brasileiro - Série B

Local: Serra Dourada
Data: 28/09/2018
Horário: 21:30

 

+ Recentes

Jogos e Resultados

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.