Dérbi em 6ª feira às 21:00? E o Guarani como bom “cordeirinho” vai aceitar?

Dérbi em 6ª feira às 21:00? E o Guarani como bom “cordeirinho” vai aceitar?
Atual Conselho de Administração durante a campanha eleitoral. Foto: Divulgação - Avante Meu Bugre.

A CBF finalmente desmembrou algumas das próximas rodadas da Série B do Campeonato Brasileiro, o que por si já é um absurdo, afinal os clubes estão disputando uma competição nacional e não sabiam quando seriam os jogos daqui duas rodadas. A entidade cobra profissionalismo de gestão, mas não entrega profissionalismo em nenhum dos seus departamentos.

Mas o motivo desta postagem nem é esse, é o de cutucar pra ver se as pessoas que cuidam e administram o Guarani FC acordam. A principal data aguardada era a da disputa do Dérbi 206 que acontece daqui quatro rodadas.

continua após a propaganda

Representante Exclusivo para Campinas e Região - Clique e fale com o Roger

E eis que a entidade que administra o futebol brasileiro divulga o Dérbi para uma sexta-feira às 21:30! Esta data e horário são  uma falta de respeito ao Torcedor e uma falta de respeito ao jogo de maior rivalidade de toda a Série B do Campeonato Brasileiro.

Lembramos que no primeiro turno o Dérbi 205 aconteceu num domingo às 18:00.

Como as pessoas que administram o Guarani FC não nos devem satisfações, afinal, não respondem às questões que fazemos, vai por aqui mesmo, de forma pública, pra todo mundo saber:

Ricardo Moisés (CEO) e André Marconatto (Presidente do CA). Foto: Gazeta Regional.

Alô presidente André Marconatto, alô CEO Ricardo Miguel Moisés, alô Conselho de Administração do Guarani FC, vocês vão aceitar isso passivamente? O Guarani não vai se manifestar contrariamente a um absurdo deste tamanho?

Nós vamos continuar sendo “cordeirinhos” sem representatividade alguma, ou vamos finalmente representar os interesses do clube e da sua Torcida?

O Guarani FC vai dizer amém a este absurdo? Vai aceitar que a CBF marque um Dérbi no Brinco de Ouro da Princesa para uma sexta-feira às 21:30?

Já nos bastam os constantes erros de arbitragem e VAR contra o Guarani dentro de campo onde somos passivos e omissos, e pior, somos coniventes, já que, diante de tantas e tantas decisões no mínimo equivocadas, postamos nota de apoio à gestão do atual presidente da CBF, e parece que nos esquecemos que a mesma CBF nos privou do direito de disputar a última Copa do Brasil.

Senhores dirigentes Bugrinos, os senhores vão finalmente representar os interesses do clube e do Torcedor, ou vão continuar escondidos embaixo das suas mesas dizendo amém a tudo o que a CBF impõe ao Único Campeão Brasileiro do Interior?

Se um Campeão Brasileiro disputando uma Série B de Campeonato Brasileiro não tem força nos bastidores do futebol, quem terá? Expressividade se conquista com gestos, não aceitando tudo o que é imposto.

O Guarani Futebol Clube de Ricardo Chuffi que um dia peitou a CBF e manteve o mando de uma final de Campeonato Brasileiro da Série A para o Brinco de Ouro da Princesa se apequenou tanto assim? Não, o clube é gigante, pequeno talvez seja o pensamento das pessoas que o comandam.

Viramos cordeirinhos da CBF, André Marconatto e Ricardo Moisés? Ou os senhores finalmente representarão os interesses do Torcedor Bugrino? Lembrando que dirigente, ao menos em tese, nada mais é do que Torcedor com cargo!

Com a palavra o Guarani Futebol Clube, ou melhor, seus dirigentes.

Marcos Ortiz