Café do Rei

Bugre vence o Vila Nova e depende apenas de si para avançar à 2ª fase da Copinha

Bugre vence o Vila Nova e depende apenas de si para avançar à 2ª fase da Copinha
Foto: Diogo Silva/Especial para Guarani FC
Clí­nica SOU

Na tarde desta sexta-feira o Bugre Sub-20, comandando por Alexandre Penna, voltou a campo para a segunda partida da primeira fase da Copa São Paulo e já iniciou a partida bastante pressionado pelo placar da abertura da rodada onde o Tanabi venceu o Aquidauanense por 2×0 e chegava aos 07 pontos. Ao Bugre restava vencer a partida para manter suas chances de classificação.

Alexandre Penna voltou o time ao esquema de jogo do Paulista Sub-20 e escalou a equipe com Lucas Cardoso; Biel, Bruno Bianconi, Kauan e Eliel; Couto, Alê e Caio; Wermeson, Matheus Souza e Renanzinho, e deu resultado.

Depois de um iníco de jogo equilibrado, o Bugre abriu o placar logo aos 25 minutos com Caio aproveitando um belo cruzamento de Biel pela direita e de cabeça jogando a bola no canto esquerdo do goleiro Heitor, sem chance de defesa. Um belo gol, numa bela jogada, Caio marca, Guarani 1×0 Vila Nova.

E o Bugre criou algumas boas oportunidades de ampliar o placar, nos minutos finais ainda ficou com um jogador a mais quando o lateral esquerdo Emerson que já tinha cartão amarelo, cometeu falta em Matheus Souza e foi expulso.

Na segunda etapa, com um jogador a mais, o Bugre partiu pra cima buscando ampliar o placar, e chegou ao segundo gol aos 17 minutos. Cruzamento de Eliel pela esquerda, a zaga do Vila Nova não conseguiu cortar e o volante Alê ficou com o rebote pela direita, dentro da grande área, ajeitou a bola e bateu firme, no canto esquerdo de Heitor, sem chances de defesa. Alê, destaque da base do Bugre, Guarani 2×0 Vila Nova.

O Bugre queria mais e partiu pra cima do Vila Nova. Chegou ao terceiro gol pouco depois, aos 21 minutos, com Renanzinho, quando Caio recebeu a bola na entrada da grande área pela direita e bateu pro gol, o chute saiu mascado e acabou se transformando em um passe para Renanzinho, que dentro da grande área, pela esquerda, de cabeça, deslocou o goleiro e tocou a bola no canto esquerdo. Gol do Bugre, gol de Renanzinho, Guarani 3×0 Vila Nova.

Mas os minutos finais da partida trariam emoções ao Torcedor Bugrino. Sem nada a perder, o Vila Nova fez algumas alterações e foi em busca do placar. Diminuiu o placar aos 27 minutos em uma cobrança de falta de Guilherme Pires, frontal, mas de longa distância, ele bateu a bola quase no centro do gol, o goleiro Lucas Cardoso aparentemente caiu atrasado para a bola e não conseguiu a defesa. Guarani 3×1 Vila Nova.

Emoção? Teve mais. Mesmo com um jogador a menos, o Vila Nova ainda fez seu segundo gol aos 47 minutos quando Saymon recebeu a bola na grande área pela direita, num rápido contra ataque, com a defesa Bugrina desmontada ele tocou para Guilherme Pires no meio da grande área e, sem marcação, ele tocou a bola pro fundo do gol. Guarani 3×2 Vila Nova, placar final.

Com este resultado o Bugre ficou na segunda colocação do grupo ao final da segunda rodada e agora precisa apenas vencer o Aquidauanense na terceira rodada. O Guarani abre a rodada as 13:00, e vencendo o confronto, aguarda o resultado de Tanabi x Vila Nova para saber sua posição, que pode ser primeiro ou segundo lugar, porque quem vencer o outro confronto também se classificará para a segunda fase da Copinha.

Marcos Ortiz